Amazon registra patente de autodestruição de drone em caso de emergência

A Amazon vem ensaiando já há algum tempo sua entrada definitiva no campo das entregas via drone. A empresa está realizando testes há mais de dois anos e, agora, possui uma patente que significa um passo à frente no plano de colocar o pé de vez nessa logística.

A tecnologia aprovada permite que os drones da empresa se autodestruam em casos de emergência. A patente se refere especificamente a “fragmentação direcionada de veículos aéreos não tripulados”. Resumindo, trata de uma destruição controlada dos drones.

Para se chegar à decisão de destruição, alguns fatores são analisados, como a trajetória do drone, a região sobre a qual está voando e as condições de voo. Dessa forma, os controladores podem determinar qual é a melhor forma de destruir o aparelho, de acordo com cada situação.

Isso reduz as chances de os fragmentos da destruição ferirem alguma pessoa ou danificarem uma propriedade. No caso de um aparelho apresentar falhas, por exemplo, a solução seria a de reduzir danos.

No início do ano, a Amazon apresentou uma patente que possibilita a entrega por paraquedas. Com a tecnologia de autodestruição aprovada, a empresa mostra que está fortemente disposta a colocar o projeto em funcionamento.

FONTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *